Turmas que se formaram em 1980 fazem reencontro no Diocesano

26/05/2018 10:39:18 - Atualizada em 26/05/2018 10:40:47 - Por Camila Oliveira

“Ninguém esquece o Diocesano”, enfatiza a vice-presidente do Núcleo de Ex-alunos do Diocesano (NEX-DIO), a economista Mônica Mendes. Por isso, as turmas que se formaram em 1980 no Colégio Diocesano realizam o primeiro grande encontro desde a formatura neste sábado (26), na própria instituição. A ideia é reunir o maior número possível de ex-alunos formados na época em um momento de confraternização. A celebração ocorrerá às 19h, com uma missa na Capela Nossa Senhora das Graças (Capela do Diocesano).

Os estudantes dessa época fazem parte de um momento muito importante na história do colégio: foram as primeiras turmas que admitiram mulheres, fato ocorrido em 1973. Para a advogada Dilene Brandão, as experiências vividas no Diocesano foram muito significativas. “O Diocesano representa a melhor fase da minha vida, das descobertas e das amizades que trazemos até hoje”, afirma.

Turma que se formou em 1980 no Colégio Diocesano. / Foto: arquivo pessoal.

Ex-alunos que atualmente moram em outros estados irão se deslocar até Teresina para participar da celebração. Outros que não puderam vir, enviaram vídeos que serão exibidos durante o reencontro. “A expectativa é a melhor possível”, destaca o engenheiro civil Hildebaldo Oliveira. Ele estudou na instituição jesuíta desde o primário até a conclusão do curso científico, que atualmente corresponde ao Ensino Médio. “A minha formação ética, moral, profissional devo muito ao Diocesano. Minha família foi muito importante nesse processo, mas a escola teve um peso muito grande”, comenta.

Mônica Mendes explica que até aqui apenas encontros de pequenos grupos foram realizados. No início do ano, foi feito um encontro maior, mas a expectativa é que haja ainda mais ex-alunos na missa. “Temos lembranças eternas do colégio, é uma ligação muito forte”, ressalta a economista. 

Deixe um comentário

0 Comentário