Colaboradores das unidades da Rede Jesuíta participam de treinamento sobre Brigada de Incêndio

17/06/2016 09:15:37 - Atualizada em 17/06/2016 10:13:14 - Por Ana Carolina Dias

Colaboradores aprendem técnicas de combate a incêndioOs colaboradores do Colégio Diocesano, da Educação Infantil, da Escola Santo Afonso Rodriguez (ESAR), Escola Materno Infantil Padre Pedro Arrupe (EMIPA) e Centro de Saúde Pedro Arrupe, unidades da Companhia de Jesus, participam de um treinamento de Brigada de Incêndio do Corpo de Bombeiros na sede da ESAR, na Socopo. O projeto foi divido em três grupos de funcionários, com carga horária de 12h cada. A última turma de colaboradores fará a capacitação em agosto deste ano. A atividade finaliza o projeto de investimento em segurança promovida pela Associação Nacional de Instrução (ANI), mantenedora de obras da Companhia de Jesus em Teresina.

O curso de capacitação foi ministrado pelo tenente coronel do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Piauí, João Soares da Costa Neto e pelos monitores, Marcus Daniel Rodrigues e Pedro Augusto Rafael. Os colaboradores receberam orientações sobre as rotas de fuga, acionamento do sistema de alarme das instituições, técnicas de combate e prevenção a incêndios, evacuação em caso de sinistro, além de atendimento de primeiros socorros.

Técnicas de primeiros socorros são aplicadas em participantes do curso

Ana Célia Benevinuto, auxiliar de Gestão de Pessoas no Colégio Diocesano e organizadora do treinamento, afirma que a iniciativa preza pela segurança do trabalho e pela prevenção de riscos ambientais. “Estamos qualificando os funcionários para que possam operar os equipamentos de segurança e agir em situação de emergência”.

De acordo com o tenente João Soares, o maior risco em casos de incêndio ou acidentes é o desconhecimento. “No curso, os participantes aprendem na prática como manusear e diferenciar os tipos de extintores de incêndio, procedimentos de imobilização e prática com hidrantes”. A professora de Educação Física da ESAR, Patrícia Leal Martins, que participou do curso fala que é um aprendizado importante principalmente para profissionais que trabalham em ambiente escolar com crianças. “Temos que saber como proceder em casos de acidentes e evitar o pânico”, ressalta.

Hoje, todas as unidades envolvidas no projeto contam com um sistema completo de proteção contra incêndio: instalação de alarmes, bombas, mangueiras, para-raios e aterramento em toda a área dos prédios.

Confira as fotos

Deixe um comentário

0 Comentário