Formados em 2020, turma Sempiterno vive momentos de emoção na colação de grau

30/09/2021 14:34:00 - Atualizada em 02/10/2021 10:00:29 - Autor Wenner Bandeira - Edição Geral por Adriana Marques

O Colégio Diocesano São Francisco de Sales realizou no último fim de semana a solenidade de formatura dos alunos que concluíram o ensino médio em 2020. Nomeada como “Sempiterno”, a turma foi dividida em três solenidades distintas, de forma a cumprir as medidas sanitárias e garantir a segurança de formandos, familiares e colaboradores em um momento marcado pela nostalgia e emoção.

A realização das solenidades estava prevista para dezembro, mas devido ao estágio da pandemia de Covid-19 na época, foi decidido que o evento seria adiado até um momento mais seguro, o que ocorreu agora no mês de setembro. Cada formando teve direito a levar dois convidados para participar do momento ao vivo, e os demais amigos e familiares puderam assistir a transmissão pela TV Diocesano no Youtube.

Na cerimônia, após a realização da missa em ação de graças, cada aluno recebeu como lembrança dos momentos vividos o anuário da turma, com as fotos e memórias de cada estudante expressadas nos textos que eles mesmo escreveram. Além disso, todos receberam a Medalha São Francisco de Sales, um reconhecimento para aqueles que conseguiram se formar em meio às turbulências do ano de 2020.

Também foram entregues medalhas aos líderes de turma e membros da comissão de formatura. Por fim, os estudantes que se destacaram pelas suas qualidades acadêmicas e também humanas ao longo dos anos de escola receberam a Medalha do Mérito Inaciano, uma honraria pelos feitos alcançados.

“Aguardamos um momento mais seguro para que os estudantes e suas famílias pudessem celebrar conosco, e finalmente aconteceu esse momento agora em setembro. Foram três noites muito emocionantes, de muitas alegrias, em que pudemos reencontrar esses jovens para celebrar as vitórias deles, sua superação”, afirma o Prof. Aílton Cerqueira, coordenador da 2ª e 3ª séries do Ensino Médio.

“Conversando com eles pudemos perceber o quanto essa noite era esperada. É uma noite de muitas alegrias, muitas memórias, e acredito que tanto os estudantes quanto as famílias puderam vivenciar momentos de muita satisfação e celebração”, continua o professor.

Iara Lua é uma das formandas e foi oradora da Turma B. Em seu discurso, além de evocar várias memórias com os colegas e demais membros da comunidade educativa, destacou o papel que o colégio teve na formação dela, hoje estudante do curso de história. “Vocês, educadores e educadoras inacianos, me transformaram e eu espero um dia, como educadora, transformar a vida de alguém e assim fazer girar, com sabedoria, a roda do futuro. Embora o caminho da educação seja árduo, ainda é o único caminho para nos tirar de onde estamos, afinal, o diocesano não forma os melhores do mundo, mas as melhores pessoas para o mundo”, afirmou.

Deixe um comentário

0 Comentário

Retomada das atividades presenciais:
acesse nosso protocolo de retorno

Mantendo a transparência do nosso trabalho, o Colégio Diocesano utiliza cookies com objetivo de prover a melhor experiência no uso do nosso site. Por favor, leia nossa Política de privacidade para entender quais cookies nós usamos e quais informações coletamos em nosso site. Ao continuar sua navegação, você está de acordo que poderemos armazenar cookies no seu dispositivo.