Olimpíada Piauiense de Química premia oito estudantes do Diocesano

23/05/2019 14:06:00 - Por Camila Oliveira

Oito estudantes do Colégio Diocesano foram premiados na Olimpíada Piauiense de Química (OPQ) 2018. Foram conquistadas duas medalhas de prata, três medalhas de bronze e três menções honrosas. Além disso, três estudantes foram convidados para representar o Diocesano na Olimpíada Norte/Nordeste de Química (ONNeQ) e na Olimpíada Brasileira de Química (OBQ). A OPQ integra o Programa Nacional Olimpíadas de Química, realizado pela Associação Brasileira de Química (ABQ), e é uma atividade de extensão da Universidade Federal do Piauí (UFPI).

Marcos Antônio da Silva Marques Terceiro, atualmente na 3ª série (EM) e João Vittor Leônicio Machado, egresso do Diocesano, conseguiram medalhas de prata. Amadeu Mariano de Moura Neto, atualmente na 2ª série (EM), Victor Antônio Batista Caus, ex-aluno do Diocesano, e Maria Augusta Ayres Leite, atualmente na 3ª série (EM), conquistaram medalhas de bronze. Virna Emanuelle Veloso Aguiar, atualmente na 2ª série (EM), Raylan Gabriel de Sousa, atualmente na 2ª série (EM), e Guilherme Cronemberger Castelo Branco de Sampaio, atualmente na 3ª série (EM), ganharam menções honrosas.

A competição é realizada em duas fases e propões questões analíticas e de múltipla escolha. Os 50 estudantes que melhor se classificam na OPQ estão aptos a participar da Olimpíada Norte/Nordeste de Química (ONNeQ) e da Olimpíada Brasileira de Química (OBQ). Foi o caso de Amadeu Mariano Mariano de Moura Neto, Marcos Antônio da Silva Marques Terceiro e Victor Antônio Caus, convidados para representar o Diocesano na ONNeQ e na OBQ.

A OPQ tem como intuito promover o ensino, o estudo e a pesquisa na área de Química. Além disso, busca “identificar o estudante talentoso, preparando-o para as olimpíadas internacionais, e estimulá-lo a seguir carreiras científico-tecnológicas”, ressalta o coordenador de projetos complementares, professor José Voste Júnior. Também é uma oportunidade de intercâmbio de conhecimentos entre os professores da universidade e educadores que atuam no Ensino Médio.

Deixe um comentário

0 Comentário