Projetos interdisciplinares

Projeto Vidahs

Um desses projetos interdisciplinares é o Projeto Vidahs, que, por meio de ações planejadas e sistemáticas, tem como objetivo promover o desenvolvimento das Habilidades Socioemocionais das crianças do Infantil 5 aos adolescentes da 3ª série do Ensino Médio. O próprio nome do projeto evidencia o propósito: valorizar, integrar, desenvolver e aprender habilidades socioemocionais.

O projeto é desenvolvido pelo Serviço de Psicologia em parceria com professores, ocorrendo de forma interdisciplinar ao relacionar o conteúdo das aulas às competências socioemocionais adotadas pela BNCC no ano de 2019. Além de ser um dos compromissos firmados na proposta educativa das obras da Companhia de Jesus, o desenvolvimento destas habilidades favorece o diálogo com o cotidiano atual.

O Serviço de Psicologia Escolar elaborou o Projeto Vidahs para ser desenvolvido como um caminho a ser feito de acordo com características do desenvolvimento humano. Por conta disso, para cada série foram sistematizadas as habilidades que seriam prioritariamente desenvolvidas condizente com o nível dos estudantes.

São Habilidades desenvolvidas com cada série: 2º ano do Ensino Fundamental - Assertividade e Resoluções de Problemas, 3º ano do Ensino Fundamental - Amizade, Resolução de Problemas e Relacionamento Interpessoal, 4º ano do Ensino Fundamental - Emoção, Empatia e Autocontrole, 5º ano do Ensino Fundamental - Emoção, Empatia e Assertividade, 6º ano do Ensino Fundamental - Resolução de Problemas e Empatia, 7º ano do Ensino Fundamental - Autoconhecimento e Empatia, 8º ano do Ensino Fundamental - Automotivação e Relacionamento Interpessoal, 9º ano do Ensino Fundamental - Relacionamento Interperssoal e Assertividade, 1ª série do Ensino Médio - Autoconhecimento e autocuidado, 2ª série do Ensino Médio - Trabalho e Projeto de Vida e, por fim, 3ª série do Ensino Médio - Autoconhecimento, Assertividade e Consolidação do Projeto de Vida.


Projeto Sempre

As iniciais das palavras Sensibilização, mobilização, protagonismo e empreendedorismo social formam o acrônimo SEMPRE, nome do projeto que é desenvolvido com estudantes do 1º ano do Ensino Fundamental à 3ª série do Ensino Médio, que fomenta atitudes de impacto efetivo na sociedade.

A proposta do Projeto SEMPRE contempla um conjunto de competências e habilidades previstas na Base Nacional Curricular Comum (BNCC) e na Formação Integral Inaciana. Por meio do projeto, os estudantes são estimulados a tomar atitudes em busca da resolução de situações-problema da sociedade. Para desenvolver suas alternativas de intervenção, exploram habilidades e competências que integram aprendizagens das diferentes áreas de conhecimento, além de experiências que ultrapassam a sala de aula convencional.

Conhecimento, Pensamento científico, crítico e criativo, Cultura digital, Autoconhecimento e autocuidado, Trabalho e projeto de vida, Responsabilidade e cidadania, Empatia e cooperação, Comunicação e Argumentação são competências exigidas pela BNCC, abrangidas pelo projeto SEMPRE. O projeto também se relaciona diretamente às dimensões Cognitiva, Socioafetiva e Espiritual, que dizem respeito à Formação Integral Inaciana.

A culminância do Projeto Sempre se dá na Feira de Conhecimento, Sensibilização, Mobilização, Protagonismo e Empreendedorismo Social do Diocesano, DIOFEIRAC. Nela, são apresentadas as ações de intervenção elaboradas pelos estudantes a partir do mote que busca desenvolver “Projetos inovadores para a construção de um mundo melhor”.

Liderança Juvenil

O protagonismo juvenil também está presente e é evidenciado no Projeto Liderança Juvenil, que busca promover a formação de homens e mulheres a serviço dos demais, pautada no desenvolvimento dos cinco C’s da pedagogia inaciana (consciente, competente, compassivo, comprometido e criativo. Afinal de contas, “Uma obra educativa da Companhia de Jesus tem como um dos seus objetivos a formação de líderes que tenham, na justiça e no serviço, seus principais compromissos” (PEC, n. 52).
Nessa perspectiva, o Projeto de Liderança Juvenil incentiva que os estudantes utilizem suas habilidades para que, por meio do apoio, da colaboração, da compreensão das diferenças e o se fazer um com o outro, possam promover o serviço aos outros.
Uma das etapas desse projeto, a escolha para representante de turma, realizada em uma eleição interna com os alunos do 5º ano do Ensino Fundamental à 3ª série do Ensino Médio, é o exercício para a cidadania e comprometimento com o outro para o bem comum e exercício da democracia.

Projeto MAGIS

A Formação Espiritual dos estudantes também é vivenciada diariamente pelos estudantes de forma interdisciplinar, a partir de ações desenvolvidas pela Formação Cristã em parceria com docentes. O Projeto Magis se desenvolve em três dimensões: Anunciar a palavra de Deus ao próximo, assumindo o compromisso batismal; Celebrar a Eucaristia de maneira mais familiar e participativa, vivendo a expressão comunitária da fé; e Servir ao próximo de forma solidária e respeitosa.
Ao abrir-se à dimensão cristã assumindo o compromisso batismal, a comunidade escolar torna-se evangelizadora, proporcionando aos seus membros uma experiência de vida cristã, indispensável para despertar e conservar a fé. Essa dimensão espiritual, contempla o desenvolvimento dos estudantes das disposições e habilidades necessárias para serem movidos pelo Espírito, a fim de conhecer, relacionar-se e seguir a Cristo; poder e desejar fazê-lo como membros da comunidade da Igreja, experimentando-se gososamente como filhos de Deus, e por isso livres para em tudo amar e servir.
Retomada das atividades presenciais:
acesse nosso protocolo de retorno

Mantendo a transparência do nosso trabalho, o Colégio Diocesano utiliza cookies com objetivo de prover a melhor experiência no uso do nosso site. Por favor, leia nossa Política de privacidade para entender quais cookies nós usamos e quais informações coletamos em nosso site. Ao continuar sua navegação, você está de acordo que poderemos armazenar cookies no seu dispositivo.